Close
    Search Search

    Como criar um arquivo BAT

    O que é um arquivo BAT

    Um arquivo BAT, Tamb√©m chamado Fornada, √© um tipo de arquivo que cont√©m uma s√©rie de comandos organizados em linhas de maneira ordenada. Em resumo, trata-se, portanto, de um script que permite realizar opera√ß√Ķes em computadores equipados com sistemas operacionais da Microsoft.

    Isso ocorre porque os comandos usados ‚Äč‚Äčem um arquivo BAT eles s√£o compat√≠veis apenas com sistemas operacionais Windows, pois s√£o comandos b√°sicos para MS-DOS. Este √ļltimo, caso voc√™ n√£o soubesse, era um sistema operacional da Microsoft em que rodavam vers√Ķes do Windows anteriores ao Windows 95. Posteriormente, a estrutura dos sistemas operacionais da Microsoft mudou, limitando o ambiente. DOS para um console de comando simples.



    Dito isso, vamos passar ao lado prático da questão. Você precisa saber a maneira mais fácil de criar um arquivo BAT é usar o Bloco de notas Windows, que é a ferramenta mais adequada para este tipo de arquivo, pois não produz nenhum código "sujo" que possa gerar anomalias durante a execução dos diversos comandos.

    Agora que você sabe o que é um arquivo BAT, é hora de ver quais são alguns dos comandos mais comuns que você pode usar para criar scripts a serem executados em seu PC com Windows.

    Comandos em um arquivo BAT

    I comandos declarado dentro de um arquivo BAT eles podem ser de diferentes tipos, de acordo com a operação que deseja realizar no computador. Como o arquivo BAT é um script, vários comandos podem estar contidos, os quais permitem, também por meio da interação ou confirmação do usuário, realizar diversos procedimentos automáticos no PC.

    Os comandos de um arquivo BAT s√£o os mesmos que voc√™ pode usar no Prompt de comando di Windows. Esta ferramenta √©, na verdade, o ambiente DOS emulado pelo sistema operacional que interpreta os comandos MS-DOS. Meu conselho √© sempre usar um arquivo com a extens√£o . BAT, para ter certeza de que √© compat√≠vel com todas as vers√Ķes do Windows. Em vez disso, usando a extens√£o .CMD, ele √© compat√≠vel apenas com os sistemas operacionais Windows NT ou Windows 2000 e com vers√Ķes posteriores da plataforma Microsoft.



    Alguns dos comandos mais comuns podem envolver mover ou copiar arquivos e pastas, formatar um disco rígido, executar um arquivo ou ativar e desativar recursos do Windows, apenas para dar alguns exemplos. Nas próximas linhas, listarei alguns comandos que você pode usar ao compilar seu arquivo BAT.

    • cd - √© um comando que permite acessar uma pasta em seu computador. Requer a indica√ß√£o do caminho da pasta (por exemplo cd C: Usu√°rios [nome de usu√°rio] √Ārea de trabalho).
    • cls - permite que voc√™ limpe a tela de prompt atual das mensagens de texto exibidas.
    • c√≥pia (e xcopy) - copia os arquivos indicados, contidos em uma pasta, para outro destino.
    • De - exclui arquivos especificados pelo usu√°rio.
    • dir - permite que voc√™ mostre uma lista de arquivos e pastas que est√£o presentes em um diret√≥rio.
    • eco - um dos comandos mais usados. Permite que voc√™ visualize mensagens de texto na tela. Este √© um comando √ļtil para fornecer instru√ß√Ķes ao usu√°rio no caso de o script exigir que voc√™ execute uma entrada manualmente. Ele tamb√©m permite que voc√™ visualize as strings de comando executadas pelo arquivo em lote em sua totalidade.
    • find - √© um comando de pesquisa para localizar uma string dentro de um arquivo.
    • por - permite que voc√™ execute comandos repetidamente.
    • formato - permite excluir dados de uma unidade de disco especificada, por meio de um procedimento de formata√ß√£o.
    • if e se n√£o - s√£o comandos condicionais que realizam opera√ß√Ķes, respectivamente, quando uma condi√ß√£o √© satisfeita ou n√£o.
    • mkdir (o md) - √© um comando que cria uma nova pasta.
    • mover - semelhante ao comando c√≥pia, mas move completamente os arquivos de um diret√≥rio para outro, n√£o deixando c√≥pias na pasta de origem.
    • pausa - ao criar um script que requer, em algum ponto, entrada do usu√°rio, o comando pausa √© essencial garantir que os comandos subsequentes n√£o sejam executados.
    • rmdir (o rd) - exclui uma pasta especificada pelo usu√°rio.
    • rem - tem por objetivo gravar coment√°rios nas entrelinhas do script, que ser√£o ignorados durante a execu√ß√£o do arquivo BAT.
    • rebatizar (o rena) - permite renomear arquivos.
    • conjunto - se vari√°veis ‚Äč‚Äčforem especificadas no script, elas podem ser definidas por meio do comando conjunto.
    • tipo - √© um comando que permite classificar os dados.

    Caso queira saber outros comandos que pode utilizar em seu arquivo BAT, pode consultar a lista que est√° presente dentro do Prompt de comando Windows, digitando ajudar na tela e pressionando a tecla Transmiss√£o no teclado do computador.



    Você não sabe como começar o Prompt de comando? Use a combinação de teclas Windows + R e digite o termo na caixa apropriada cmd. Em seguida, pressione o botão Transmissão, para iniciar o painel do Prompt de comando do Windows.

    Compilar um arquivo BAT

    Agora que você conhece os comandos que pode usar em um arquivo BAT para construir seu script, é hora de começar a trabalhar!

    Embora você possa usar qualquer editor de texto para compilar seu script, recomendo que você coloque todo o código no Bloco de notas Windows, pois é a ferramenta ideal, gratuita e padrão deste sistema operacional para criar arquivos BAT, sem que sejam gerados erros ao salvar scripts.

    Antes de prosseguir para a criação do script propriamente dito, mostrarei alguns exemplos práticos de compilar um arquivo BAT, que o ajudará a entender o que aprendeu até agora.

    Se você deseja criar um arquivo BAT através do qual exibir uma mensagem de texto, você precisará usar os comandos eco e pausa. Você pode usar, por exemplo, um código semelhante ao mostrado abaixo.

    @ Echo off

    echo Esta é uma mensagem de exemplo de configurehow.com

    pausa

    No exemplo acima, o comando foi usado @ Echo off, que permite não visualizar os comandos que estão dentro do arquivo BAT, mas apenas o resultado de sua execução.

    Por este motivo, quando um comando com eco, a Prompt de comando retornar√° a mensagem que est√° na mesma linha.


    Finalmente, o comando pausa irá interromper a execução de qualquer outro comando subsequente, se houver, aguardando a entrada do usuário, que terá que digitar uma tecla no teclado.


    Só para dar outro exemplo, vou explicar como criar um arquivo BAT que permite a execução de um comando para desligar o PC.

    desligamento ‚Äďs ‚Äďf ‚Äďt 60

    O comando acima, encerramento, permite que voc√™ execute uma opera√ß√£o de desligamento da sess√£o atual do computador. Ao lado disso, voc√™ pode encontrar os par√Ęmetros -S, ‚ÄďF e -T que estendem suas fun√ß√Ķes: usando o atributo -S, o PC deve ser desligado; o comando ‚ÄďF requer o fechamento for√ßado de todos os programas em execu√ß√£o; no fim, -t √© um atributo que cria uma contagem regressiva antes que o comando seja realmente executado (neste caso, o 60 expressa os segundos de espera antes de parar).

    Ao iniciar um arquivo em lote contendo esse script, o Windows exibir√° uma tela indicando que o computador ser√° encerrado em breve.

    Caso voc√™ queira abortar o comando descrito acima, voc√™ precisar√° criar outro arquivo BAT com um comando espec√≠fico ou ato de Prompt de comando. O comando que voc√™ usar√° ser√° desligamento ‚Äďa, cujo atributo -A indica a solicita√ß√£o para abortar qualquer comando encerramento correndo.

    Crie um arquivo BAT

    Neste ponto, eu só tenho que explicar para você como criar um arquivo BAT contendo o script que você criou. A primeira coisa que você precisa fazer é, conforme mencionado acima, abrir o Bloco de notas Windows, que você pode encontrar na pasta Acessórios Windows do menu Iniciar.

    Feito isso, prossiga para a compilação do script ou cole o que você criou em outro editor de texto. Não sabe como fazer? Nesse caso, recomendo que você consulte meu guia sobre como copiar e colar.

    Agora, clique nos itens Arquivo> Salvar como, que você encontra na barra de menus na parte superior, e selecione a pasta de destino para o arquivo. Em seguida, digite o nome você deseja dar ao arquivo, usando o campo de texto Nome do arquivo, certificando-se de adicionar o texto no final .bat (Por exemplo, filename.bat) Neste ponto, pressione o botão ressalva, confirmar.

    Isso criará um arquivo com a extensão.BAT que conterá o código que você compilou. Caso queira modificar o arquivo, basta clicar com o botão direito do mouse sobre ele e selecionar, no menu de contexto, o item Editar, para abri-lo diretamente com o Bloco de notas Janelas. Fácil, certo?

    Como criar um arquivo BAT

    √Āudio v√≠deo Como criar um arquivo BAT
    Adicione um coment√°rio do Como criar um arquivo BAT
    Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.